Petrobras . Blog Fatos e Dados

home

Blog Fatos e Dados

home

SBM Offshore: carta à Agência Reuters

11.Set.2014

carta-geral.jpgLeia a carta que enviamos à Agência Reuters e veículos que replicaram o conteúdo de reportagem do dia 8 de setembro:

Com relação à matéria “Mais de US$ 30 bi deixam o Brasil de forma ilícita por ano, diz estudo” (8/9), a Petrobras reitera que a Comissão Interna de Apuração constituída para averiguar denúncias de supostos pagamentos de suborno, envolvendo a empresa SBM Offshore, não encontrou fatos ou documentos que evidenciem pagamento de propina a empregados da Petrobras. O Relatório final da Comissão da Petrobras foi encaminhado à Controladoria-Geral da União, ao Tribunal de Contas da União e ao Ministério Público Federal. Em 2 de abril, a própria SBM Offshore anunciou que sua comissão de investigação não encontrou qualquer evidência de pagamentos impróprios.

Obs: A carta também foi enviada aos veículos O Estado de S. Paulo, Jornal do Commercio e Brasil Econômico.

Veja mais

Divulgamos nota de esclarecimento

08.Set.2014

esclarecimento-imprensa-notebook.jpgLeia a nota de esclarecimento que divulgamos nesta segunda-feira (8/9):

Os meios de comunicação vêm, desde sexta-feira (5/9), veiculando matérias envolvendo o nome da Petrobras a partir de informações não oficiais, obtidas dos depoimentos que o Sr. Paulo Roberto Costa estaria prestando na Polícia Federal.

Sobre isso a Petrobras esclarece que:

1. Não é devido comentar sobre conteúdos não oficiais publicados nos meios de comunicação. Também não cabe comentar sobre investigações em curso ou sobre declarações de pessoas ou empresas sendo investigadas pela Polícia Federal ou por qualquer outro organismo de controle.

2. Sobre seus empreendimentos e negócios, a empresa vem fornecendo informações continuadamente a toda sociedade através do seu site www.petrobras.com.br, de notas à imprensa, de respostas aos meios de comunicação e de comunicados de Fatos Relevantes. Dessa forma deixa transparente tudo que se relaciona com os assuntos em análise ou em investigação.

3. Ademais, a empresa cumpre rigorosamente seu dever e vem prestando todas as informações solicitadas pela Polícia Federal - PF, Tribunal de Contas da União - TCU, Controladoria Geral da União - CGU e Ministério Público - MP, além de estar sempre informando a estes Órgãos sobre novos fatos e dados de que tenha conhecimento. (...)

Veja mais

Declaração de comercialidade de áreas da Cessão Onerosa: Sul de Guará, Nordeste de Tupi e Florim

03.Set.2014

cessao-onerosa.jpgLeia abaixo nosso comunicado, divulgado nesta quarta-feira (03/09), sobre a declaração de comercialidade de áreas da Cessão Onerosa:

A Petrobras comunica que apresentou hoje (3/9) à Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) a declaração de comercialidade das acumulações de petróleo e gás de Sul de Guará, Nordeste de Tupi e Florim, áreas previstas no contrato de Cessão Onerosa, localizadas no pré-sal da Bacia de Santos.

Na proposta encaminhada à ANP os nomes sugeridos para os novos campos foram Sul de Sapinhoá (Sul de Guará), Sépia (Nordeste de Tupi) e Itapu (Florim).

O volume contratado por meio da Cessão Onerosa para as três áreas, de 1,214 bilhão de barris de óleo equivalente (petróleo mais gás natural), foi constatado na fase exploratória. Os reservatórios do pré-sal nestes campos são portadores de petróleo de boa qualidade (entre 26 e 29 graus API). (...)

Veja mais

Gerente de patrocínio esportivo fala sobre desenvolvimento de produtos na Fórmula 1

03.Set.2014

williams-martini.jpgO gerente da nossa área de patrocínio esportivo, Claudio Thompson, falou sobre os bastidores da nossa volta à Fórmula 1, na última terça-feira (02/09), no VIII Fórum de Marketing Esportivo de Resultados. Organizado pela Associação Brasileira de Anunciantes (ABA), o evento contou com nosso patrocínio. Em fevereiro deste ano, assinamos com a equipe Williams Martini Racing um contrato de parceria tecnológica. Em sua palestra, Thompson falou também sobre o desenvolvimento dos produtos com a equipe.

“O objetivo principal de todos os nossos projetos de esporte motor é testar combustíveis e lubrificantes desenvolvidos pela Petrobras com o objetivo de melhorar os produtos que o consumidor usa no dia a dia. E também, principalmente com a Fórmula 1, podermos estar atualizados com o que há de melhor em tecnologia de produtos automobilísticos no mundo. A própria gasolina Podium e, mais recentemente, a gasolina Petrobras Grid, são exemplos de combustíveis desenvolvidos com a experiência adquirida na Fórmula 1”, afirmou. (...)

Veja mais

Vinte novas plataformas no pré-sal até 2018

02.Set.2014

p-55-blog.jpgApós o alcance da marca de mais de 500 mil barris por dia, o pré-sal ainda terá contribuição decisiva para as nossas metas de produção. Até o final de 2018, serão instaladas 20 novas plataformas nessa província. Destas, 19 serão alocadas na Bacia de Santos e uma na Bacia de Campos. Ainda em 2014, mais duas novas unidades entrarão em operação: os FPSOs Cidade de Mangaratiba, na área de Iracema Sul, e Cidade de Ilhabela, em Sapinhoá Norte. FPSO (Floating Production Storage Offloading Unit) é a sigla em inglês que identifica uma plataforma flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo.

Em 2015, o FPSO Cidade de Itaguaí entrará em operação na área de Iracema Norte, na Bacia de Santos. Para 2016, estão programadas mais sete unidades: os FPSOs Cidade de Maricá, Cidade de Saquarema, P-66 e P-67 serão instaladas em Lula, a P-74 e P-75, em Búzios, e Cidade de Caraguatatuba, em Lapa. (...)

Veja mais

Promef completa dez anos e conta com 14 embarcações em construção

02.Set.2014

navio-celso-furtado-blog.jpgO Programa de Modernização e Expansão da Frota da Transpetro completa uma década este ano a todo vapor. Atualmente, o Promef conta com 14 navios em diferentes fases de construção, cinco deles no estágio de acabamento. Três comboios hidroviários, que serão utilizados para o transporte de etanol pela hidrovia Tietê-Paraná e fazem parte do Promef Hidrovias, estão em fase de testes.

O número de projetos encomendados e o volume de investimentos dão a dimensão do programa para a indústria naval brasileira. Até 2020, está prevista a entrega de 49 navios e 20 comboios hidroviários (cada um composto por um empurrador e quatro barcaças), com investimento de R$ 11,2 bilhões. O programa já possibilitou a construção de sete petroleiros, todos em operação. O primeiro a ser entregue foi o navio de produtos (embarcação utilizada para o transporte de derivados claros de petróleo, como gasolina, diesel e querosene de aviação) Celso Furtado, em novembro de 2011.

Desde então, outros seis foram lançados ao mar: três suezmax (embarcação com capacidade para transportar 1 milhão de barris de petróleo e que tem calado de 17 metros, permitindo a passagem pelo Canal de Suez, que liga o Mediterrâneo ao Mar Vermelho) - Dragão do Mar (abril/2014), Zumbi dos Palmares (maio/2013) e João Cândido (maio/2012) - , e os navios de produtos José Alencar (janeiro/2014), Rômulo Almeida (janeiro/2013) e Sérgio Buarque de Holanda (julho/2012). (...)

Veja mais

Postos Petrobras vencem a pesquisa Marcas de Confiança

02.Set.2014

petrobras-distribuidora.jpgNossos postos foram os preferidos na pesquisa Marcas de Confiança, realizada pelo Ibope com leitores da Revista Seleções. Além do evento de premiação nesta terça-feira (02/09), em São Paulo, uma edição especial da revista será lançada com os vencedores.

Para a Petrobras Distribuidora, a escolha reflete a estratégia de ser a marca preferida do consumidor, cada vez mais exigente. Nossa subsidiária investe na oferta de uma linha completa de produtos e serviços de qualidade nos postos. Lançada recentemente, a gasolina aditivada Petrobras Grid, desenvolvida com tecnologia exclusiva para o mercado brasileiro, reforça essa atuação. O combustível, presente em mais de 5.500 postos em todo o país, proporciona maior desempenho e máxima eficiência.

Veja mais

Avião comercial mais moderno do mundo é abastecido com nosso combustível

01.Set.2014

A350-900_RR_AIRBUS_V...A Petrobras Distribuidora foi responsável pelo abastecimento do mais moderno avião comercial do mundo, o Airbus A350-900. A passagem pelo Brasil faz parte de uma das etapas de certificação do modelo, que esteve pela primeira vez no país. O avião promete uma economia de combustível de 25% em relação aos concorrentes.

No recém-inaugurado terminal 3 do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, o Airbus A350-900 foi abastecido pela Petrobras Distribuidora com o combustível JET A-1, totalizando 62.655 litros.

A TAM será a primeira companhia das Américas e quarta no mundo a receber e operar o Airbus A350-900, com previsão para 2015. Posteriormente, Azul, Avianca e Lan também vão operar o avião no Brasil.

Veja mais

Sistema detecta vazamentos e permite redução de custos

01.Set.2014

carmopolis.jpgO Sistema de Detecção de Vazamentos em Oleodutos (SDVO), desenvolvido pelo Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes), será implantado ainda este ano na adutora de água produzida pelos campos de Carmópolis, em Sergipe.

O SDVO substitui e aprimora os recursos oferecidos por sistemas computacionais comerciais (softwares) semelhantes permitindo uma redução de custos de, no mínimo, US$ 250 mil dólares por oleoduto.

O sistema, que atualmente monitora 18 oleodutos submarinos na Bacia de Campos e cinco oleodutos terrestres em Sergipe, simula o escoamento do óleo dentro do duto a partir de dados de pressão, vazão e temperatura captados por sensores instalados nos dois extremos do oleoduto. O cruzamento dessas informações permite ao sistema reconhecer um vazamento e, também, determinar a localização do mesmo, hora de início e o tamanho da perda de fluído sofrida. Os dados são acompanhados em tempo real e um alarme visual e sonoro é acionado.  (...)

Veja mais

Equipe Mitsubishi Petrobras é campeã do Rally dos Sertões 2014

01.Set.2014

epqmitsubishi.jpgA dupla Guilherme Spinelli e Youssef Haddad conseguiu mais um título no Rally dos Sertões, garantindo a conquista para a Equipe Mitsubishi Petrobras. Depois de sete dias e mais de 2.600 quilômetros rodados, a disputa chegou ao fim em Belo Horizonte, no último sábado (30/08).

"Mais um título! Fizemos por merecer o rali inteiro. O ASX Racing esteve impecável, o Youssef fez uma navegação sem erros e a equipe trabalhou muito bem. É merecido o resultado. Agora é aproveitar a festa", comemorou Guiga, que é o maior vencedor do maior rali do Brasil, com cinco títulos. (...)

Veja mais