Petrobras . Blog Fatos e Dados

home

Blog Fatos e Dados

home

Confira nossa produção de petróleo e gás natural em abril

17.Mai.2017

funcionario10.jpg

Nossa produção total de petróleo e gás natural em abril foi de 2,72 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), sendo 2,60 milhões boed produzidos no Brasil e 120 mil boed no exterior.

A produção média de petróleo no país foi de 2,10 milhões de barris por dia (bpd), volume 1% inferior ao de março. Esse resultado se deve, principalmente, à continuidade da parada programada da plataforma P-37, no campo de Marlim, e à parada programada da P-43, nos campos de Barracuda e Caratinga, ambas localizadas na Bacia de Campos.

Em abril, a produção de gás natural no Brasil, excluído o volume liquefeito, foi de 78,5 milhões de m³/d, 1% acima do mês anterior. Esse aumento se deve, principalmente, ao retorno à operação do FPSO Cidade de Angra dos Reis, instalado na Bacia de Santos, após parada para manutenção.

Produção do pré-sal

Em abril, a produção de petróleo e gás natural operada por nós (parcela própria e dos parceiros), na camada pré-sal foi de 1,50 milhão de boed, mantendo o mesmo patamar do mês anterior.

Na comparação com abril de 2016, quando atingimos a marca de 1 bilhão de barris produzidos em águas ultraprofundas, houve um aumento de 50% da produção devido, principalmente, à entrada em produção do FPSO Cidade de Saquarema e do FPSO Cidade de Caraguatatuba, além do crescimento da produção nas plataformas FPSO Cidade de Maricá, Cidade de Paraty e Cidade de Itaguaí nesse período.

Produção no exterior

Em abril, a produção de petróleo nos campos do exterior foi de 64 mil bpd, volume 3% abaixo do mês anterior. A produção de gás natural foi de 9,6 milhões de m³/d, 12% abaixo do volume produzido em março de 2017. A redução ocorreu, principalmente, em função da realização de testes nos poços de Lucius e Hadrian South, nos EUA, além da redução da produção própria na Bolívia.

Leia mais:

Conheça os tipos de plataforma e suas funções na exploração de petróleo

Com pré-sal, entramos no quarto ciclo de expansão da nossa história

2016: um ano de recordes no pré-sal

Postado em: [Institucional, Atividades]

0 comentários

*Campos obrigatórios




Enviar