Petrobras . Blog Fatos e Dados

home

Blog Fatos e Dados

home

P-69 entra na fase de conclusão das obras em Angra dos Reis

30.Mar.2017

FPSO_P-69.jpg

Chegou nesta terça-feira, 28/3, ao estaleiro Brasfels, em Angra dos Reis (RJ), o casco da FPSO P-69. Nesse estaleiro será feita a integração, que compreende a instalação dos módulos sobre o casco, a interligação de todos os equipamentos da plataforma e o comissionamento dos sistemas operacionais (conjunto de testes para verificar se os sistemas estão de acordo o projetado e aptos para o funcionamento adequado). Cada um dos 18 módulos da plataforma tem uma função específica, como gerar energia, fornecer e tratar água, produzir óleo, escoar o gás produzido, entre outros.

O casco, que tem 288 metros de comprimento, 54 metros de largura (boca) e 31,5 metros de altura (altura do fundo dos tanques até o convés principal), veio do estaleiro Cosco, em Zhoushan, na China, onde foi construído. Após a integração, a plataforma terá capacidade de processamento diário de 150 mil barris de óleo e de seis milhões de metros cúbicos de gás. Além disso, conta com estrutura capaz de estocar 1,6 milhão de barris de óleo e atuará em profundidade d'água de 2.200 metros.

As plataformas do tipo FPSO são unidades flutuantes de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás. A P-69 será instalada no campo de Lula, módulo de Lula Extremo Sul, no pré-sal da Bacia de Santos, que operamos (65%) em parceria com a BG E&P Brasil – companhia subsidiária da Royal Dutch Shell plc (25%) e a Petrogal Brasil (10%). O início da produção está previsto para 2018.

Veja também:

Atingimos meta de produção pelo segundo ano consecutivo e com recordes históricos

Um ano de recordes para o pré-sal

 

Foto: Léo Souza / Banco de Imagens Petrobras

Postado em: [Atividades]

0 comentários

*Campos obrigatórios




Enviar