Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen-SE)

Unidade de Utilidades da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados – FAFEN-SE
Abrir Mapa

Resumo histórico

A fábrica de Sergipe entrou em operação em 6 de outubro de 1982 e marcou um novo ciclo do desenvolvimento no estado, com a construção da adutora do Rio São Francisco, a ampliação da rede de energia elétrica, a revitalização da ferrovia que liga Sergipe à Bahia e ainda com a instalação do Terminal Portuário Ignácio Barbosa, em Barra dos Coqueiros, a 36 quilômetros de Aracaju.

Ocupando uma área de 1 Km², a fábrica produz amônia, uréia fertilizante, uréia pecuária, uréia industrial, ácido nítrico, hidrogênio e gás carbônico

Desde 2014, a Fafen-SE conta com uma planta de produção de sulfato de amônio com capacidade para produzir até 303 mil toneladas/ano, o que equivale a 80% da importação da região Nordeste em 2014. O sulfato de amônio contém nitrogênio na composição e também é excelente fonte de enxofre, muito utilizado no cultivo de milho, cana-de-açúcar e algodão.

 

 

Localização:
Rodovia SE 211 - Km 01 s/n
Pedra Branca
Laranjeiras - SE

CEP: 49170-000

Capacidade instalada*

- 900 mil t/ano de amônia;
- 1,1 milhão de t/ano de uréia;
- 36.000 t/ano de ácido nítrico e
- 150.000 t/ano de CO2.

(* Capacidade conjunta da Fafen e da Fafen-SE)