Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj)

Abrir Mapa

Informações gerais

O Comperj está localizado no município de Itaboraí, no Leste Fluminense, ocupando uma área de 45 km², e terá como objetivo estratégico expandir a capacidade de refino da Petrobras para atender ao crescimento da demanda de derivados no Brasil, como óleo diesel, nafta petroquímica, querosene de aviação, coque e GLP (gás de cozinha). A previsão de entrada em operação da primeira refinaria é agosto de 2016, com capacidade para refino de 165 mil barris de petróleo por dia.

Localização Rodovia Estadual RJ-116 - Km 5,2 - Acesso A-1, s/n, Complemento
Sambaetiba - Zona Urbana do 4º Distrito de Itaboraí - RJ
CEP: 24841-203
SAC: 0800 728 9001 - opção 4

Características técnicas

Área: 45 km²

Capacidade de processamento do 1º trem de refino: 165 mil barris de petróleo por dia.

Principais produtos da refinaria: óleo diesel, nafta petroquímica, querosene de aviação (QAV), coque, GLP (gás de cozinha) e óleo combustível.

Infraestrutura logística externa: inclui vias de acesso, emissário de efluentes, adutora, infraestrutura dutoviária, linhas de transmissão etc.

Status da obra

Seguimos o cronograma estabelecido pelo nosso Plano de Negócios e Gestão 2014-2018, tendo alcançado cerca de 80% de avanço físico nas obras em novembro de 2014.

 

Comperj Informa

Comperj Informa

Confira as informações e fique por dentro do dia-a-dia do projeto. Veja também as edições anteriores.

EDIÇÕES

Projetos e Convênios

Monitoramento

Acesse abaixo os boletins de monitoramento socioeconômico dos municípios vizinhos ao Comperj.

COMPERJ

Comunidade

O desafio de implantar um empreendimento com a proporção do Comperj leva em consideração o apoio às políticas locais. Nesse contexto, há o Monitoramento de Indicadores Socioeconômicos e os processos de desenvolvimento sustentável da Agenda 21.

Indicadores socioeconômicos

O Monitoramento de Indicadores Socioeconômicos é um convênio com a Universidade Federal Fluminense (UFF), em parceria com o Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU Habitat). Confira os boletins regionais e municipais no box ao lado.

Desenvolvimento Sustentável

Para contribuir com a promoção do desenvolvimento sustentável, criamos a iniciativa Agenda 21 Comperj, que concebe e desenvolve processos de Agenda 21 local em cada um dos 14 municípios da região, além de uma instância regional.

Com a participação de mais de oito mil órgãos de governo, empresas, instituições do terceiro setor, representantes de comunidades e cidadãos, foram criados os Planos Locais de Desenvolvimento Sustentável, com propostas de políticas públicas e ações privadas em prol do desenvolvimento econômico, proteção ao meio ambiente e inclusão social da região. A implementação dessas propostas são acompanhadas periodicamente pelos Fóruns de Agenda 21 Local, também fomentados pela iniciativa.

Agenda 21 Comperj
Para saber mais sobre as Agendas 21, acesse http://www.agenda21comperj.com.br.
 

Cultura

Na área do Comperj estão as ruínas do Convento São Boaventura, edificação de 1670. Para conservar esse patrimônio histórico, iniciamos, em parceria com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e com o Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac), o projeto de consolidação das Ruínas do Convento São Boaventura, que consiste na manutenção da estrutura original.

Além disso, em parceria com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), estamos desenvolvendo o Programa de Valorização da Cultura Local. Com ele, 200 professores e agentes locais já foram sensibilizados, em oficinas, sobre a importância da história municipal.

Projetos sociais na região do Comperj

O Integração Petrobras comunidades (IPC) é uma seleção pública voltada exclusivamente para projetos desenvolvidos em comunidades localizadas no entorno de unidades da Petrobras. Projetos de oito cidades da área de influência do Comperj foram contemplados na última seleção. Conheça aqui um pouco de cada um.

Cidade Projeto
ITABORAÍ Fábrica de Sonhos
O objetivo do projeto é promover a capacitação profissional de 80 jovens das comunidades carentes e do entorno das Escolas de Samba e Blocos Carnavalescos de Itaboraí (RJ) por meio de cursos de qualificação necessários ao arranjo produtivo da indústria do Carnaval.
Na Trilha do Desenvolvimento
O projeto visa oferecer um espaço para a inclusão e qualificação profissional para 66 jovens de 15 a 29 anos, moradores das comunidades de Picos e Perobas, no município de Itaboraí (RJ). O objetivo é colaborar para o desenvolvimento pessoal e profissional, com vista à inserção no mercado de trabalho.
Mãos que Previnem o Risco Social
O objetivo é promover a inclusão social e a cultura de paz para 50 crianças e adolescentes em situação de risco e de vulnerabilidade social do bairro de Aldeia da Prata, em Itaboraí (RJ), por meio da educação suplementar, criando oportunidades de desenvolvimento educacional, diminuindo os índices de violência na comunidade.
GUAPIMIRIM Jovem Cidadão
O projeto visa disseminar conceitos e noções sobre cidadania e seu exercício, promovendo a capacitação de educadores da rede municipal, estadual e/ou privada de ensino e de profissionais ou lideranças locais, além da constituição de redes de apoio. Serão contempladas 2.605 pessoas.
MARICÁ Brincando e Reabilitando
O objetivo é contribuir para a inclusão social de crianças e adolescentes, de zero a 17 anos, que apresentam transtornos globais do desenvolvimento, deficiência, dificuldade e distúrbio de aprendizagem. Serão oferecidas atividades de prevenção, habilitação e reabilitação das funções sensório-motoras e educacionais para 100 crianças e adolescentes.
CACHOEIRAS DE MACACU MacacuCine nas Escolas
O projeto vai oferecer oficinas de cinema em salas de aula, estimulando a prática do cineclube e exibindo os curtas produzidos pelos alunos. A proposta é que por meio das oficinas os alunos compreendam o sistema de produção de um filme, passando por aulas de roteiro, fotografia, direção e edição para produzirem um curta-metragem. A iniciativa vai contemplar 480 jovens e adolescentes.
Raízes e Asas!
Gerar ou elevar renda e oportunizar novos postos de trabalho, priorizando a mão de obra feminina, com vista à melhoria da qualidade de vida e autonomia financeira para 80 jovens e adultos, de Cachoeiras de Macacu/RJ.
Curumim
O objetivo do projeto é melhorar a qualidade de vida de 80 crianças por meio da construção de sua cidadania, assegurando vínculos afetivos e culturais com a família, escola e comunidade.
SÃO GONÇALO Olho Vivo Educação e Qualificação Profissional em TIC -Tecnologia da Informação e Comunicação
A proposta do projeto é promover a educação para qualificação profissional para 180 jovens, entre 18 e 24 anos, moradores de comunidades de baixa renda de São Gonçalo (RJ), por meio de oficinas de vídeo, fotografia e mídias digitais.
Rede Ecosol
O objetivo do projeto é gerar renda e oportunidade de trabalho por meio do fomento e disseminação dos conceitos e das práticas da economia solidária, com oficinas para 120 mulheres sobre Direitos Humanos, práticas artesanais, educação financeira e empreendedorismo e capacitação em plano de negócios.
MAGÉ Apoio ao beneficiamento, gestão e comercialização de produtos da agricultura familiar visando a melhoria da renda dos produtores das Comunidades de Vala Preta e Conceição do Suruí
O projeto visa melhorar a renda das famílias da Comunidade de Vala Preta e Conceição do Suruí, de Magé (RJ), especialmente mulheres e jovens, por meio da capacitação e apoio às atividades de beneficiamento, da gestão renda produtiva familiar e comercialização de produtos da agricultura familiar. A meta é atender 137 pessoas.
RIO BONITO ComunicArte
O objetivo é oferecer educação complementar para  alunos de duas escolas públicas de Rio Bonito (RJ), usando as metodologias de educomunicação e arte-educação. A iniciativa prevê também trabalhar a formação e sensibilização de  professores para utilizar essas metodologias, com vistas à melhoria no desempenho escolar e no comportamento do aluno. A iniciativa vai contemplar 140 alunos e professores.

 

Relatórios

Conheça o Relatório de Impacto Ambiental do Comperj.

COMPERJ

Meio Ambiente

O Plano de Restauração Florestal do Comperj é a maior ação de recomposição vegetal da história do Rio de Janeiro. Uma área de aproximadamente 5 mil hectares receberá o plantio de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica em propriedades públicas e privadas.

E para capacitar setores da sociedade para a modificação de hábitos e atitudes da população em relação ao meio ambiente, é desenvolvido o Programa de Educação Ambiental. Por meio de oficinas, o programa já foi realizado em sete municípios da área de influência do empreendimento, com a participação de mais de 350 pessoas.

Oportunidades

Qualificação e emprego

Com o objetivo de qualificar profissionais da região, foi criado o Centro de Integração do Comperj. A iniciativa já está em funcionamento e oferecerá, até a conclusão das obras de implantação do empreendimento, milhares de vagas em cursos gratuitos profissionalizantes nos níveis básico, médio, técnico e superior. Até o momento, mais de 27 mil pessoas já foram qualificadas.